Aum ॐ Meu Recanto de Paz: Felizes ou Infelizes

ॐ Amigos, sejam muito BEM VINDOS!! ♥

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Felizes ou Infelizes


O conceito espírita da felicidade nem sempre enxerga os felizes onde o mundo os coloca.
Há pessoas que requisitam conforto demasiado, na preocupação de serem felizes, e acabam infelizes, estiradas no tédio.

Criaturas aparecem, pleiteando destaque e, em se crendo ditosas por obtê-lo, confessam-se infortunadas depois, quando se reconhecem inabilitadas para os encargos que receberam.

Há felizes nas mesas lautas, comprando enfermidades com os excessos a que se afeiçoam e infelizes, na carência material, entesourando valores imperecíveis, no proveito das lições que o mundo lhes reservou.

Em toda parte, surpreendemos os felizes de saúde, que abusam da rubustez, caindo na desencarnação prematura, e os infelizes de doença, que senhoreiam longa vida pelo respeito que dedicam ao corpo.

Em todos os lugares, os contrastes aparentemente chocantes... Situações risonhas, muitas vezes, geram suplícios porvindouros, por não saber quem as possui, empregar criteriosamente a felicidade que lhes foi emprestada.

Aqui e além, surgem, sem conta, os felizes-infelizes nos enganos a que se arrojam e os infelizes-felizes, nas provações em que se elevam.
Sócrates, considerado infeliz, é o pai da filosofia.
Anytos, imaginado feliz, ainda hoje, no conceito do mundo, é o carrasco.
Jesus, suposto infeliz, é o renovador do mundo.
Barrabás, julgado feliz, até agora, na memória dos homens, é o malfeitor.

Apliquemos o entendimento espírita aos acontecimentos cotidianos e verificaremos que os felizes e os infelizes não estão qualificados pela abastança ou pela indigência que entremostrem nos quadros exteriores.

São e serão sempre aqueles que, em qualquer circunstância, edificam a felicidade para os outros, de vez que as leis da vida determinam seja a criatura medida pelas outras criaturas, especificando que a felicidade ou a infelicidade articuladas por alguém, nos caminhos alheios, se voltem, matematicamente, para quem os formou.


Pelo Médium.: FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER E WALDO VIEIRA
Pelo Espírito de Emmanuel
Do Livro.: Opinião Espírita

11 comentários:

  1. Tudo é uma questão de foco...
    Focar no que te falta ou olhar com o coração cheio de gratidão para tudo que nos é ofertado diariamente.
    Adorei ver uma imagem sua Dona Mari :)
    Você é exatamente como eu imaginava!!!
    Beijão minha querida...e tenha um maravilhoso final de semana!

    ResponderExcluir
  2. Mari,
    Lindo! Como diz no evangelho a felicidade não é desse mundo,
    acredito nisso porque nesse mundo somos muito materialista.
    Um beijooo Mari,
    Um bom final de semana.

    ResponderExcluir
  3. Olá minha linda, o seu Blog esta divino viu, cheio de harmonia e mensagens maravilhosas, eu adoro o espiritismo, e costumo dizer que devemos copiar as crianças, eles vivem plenamente o momento, por isso estão sempre felizes...xeros de felicidades para você minha flor...

    ResponderExcluir
  4. Bom dia
    Bom final de semana
    Vim deixar um abraço, pela sua
    presença sempre carinhosa no meu
    cantinho, receber sua visita é
    um prazer imenso,que seu dia seja
    melhor hj e sempre
    Bjuss
    Rita!!!

    Um texto que agente tem que pensar bem
    mas eu gosto qdo vc coloca esse tipo de assunto
    parabéns!!!

    ResponderExcluir
  5. querida mari lindo e edificante texto
    nos falando do que cremos ser felicidade e oque
    achamos possa ser a falta de felicidade conforme nosso modo e escolha d viver,temos em nos um conceito de é uma procura constante embora muitos a venham procurar em lugares em que jamais irão encontra-la felicidade é para mim um estao de alma de espirito estejamos em paz com o coração em em harmonia com deus e estaremos felizes bjs bom final de semana marlene

    ResponderExcluir
  6. Mari, na verdade a felicidade é um estado de espírito, portanto, pertence ao nosso interior. Aquilo q o mundo chama de felicidade, não passa de mera ilusão. Muita paz!

    ResponderExcluir
  7. A felicidade nada tem a ver com os bens terrenos .
    Está na alma .

    Um beijo , Mari ,
    Maria

    ResponderExcluir
  8. Bom dia,Mari!A felicidade ou a infelicidade é algo tão relativo é muito difícil olhando uma pessoa superficialmente saber se ela é feliz ou não,e acho que a felicidade plena não existe,há momentos de felicidade e tristeza sempre e são eles que nos tornam fortes e humanos.
    Uma ótima semana!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  9. Passei aqui hoje só para brincar com a Morg!!! bjoO

    ResponderExcluir
  10. Bom dia,Mari!!!

    Um texto perfeito para refletir!!!
    Sou grata por ter conhecido a doutrina espirita e por ter conseguido mudar meu modo de ver o mundo.Estou de pleno acordo com o texto,graças a Deus consigo pautar minha vida nestes preceitos.O que tem feito-me muito bem!Espero continuar aprendendo e praticando sempre!!!!Beijos,minha amiga!!!Ótima semana pra ti!
    Até segunda!

    ResponderExcluir

♥Adoro seu comentário!♥

Poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...